Páginas

Visitante ilustre.



Todo dia, aqui em casa, tem entrado um passarinho. 
Acho que ele gostou do meu lar e fez um ninho. 
Da primeira vez, me assustei. Ele também. Bateu as asas e voou. 
No outro dia, ele voltou. Às vezes ele faz cocô, suja o chão, mas eu perdoo.
E como não perdoar? É um bicho que nasceu pra ser livre e vem toda manhã me visitar! 
Passarinho, seu nome de batismo é "amor"?


Railma Medeiros

0 colecionadores!:

Postar um comentário